Benefícios da Reeducação Alimentar

Reeducação Alimentar

  Todas as pessoas que sonham em perder peso têm o costume de correr e fazer os mais mirabolantes regimes e dietas, sem sequer ter o cuidado de conhecer quais riscos essas atitudes podem trazer à saúde. E saiba que os riscos não são poucos. Assim como os resultados de uma dieta podem ser maravilhosos, eles também podem ser frustrantes e trágicos. Depende da maneira como ela é conduzida pela pessoa.

  Observe que as suas escolhas são fundamentais. E para conseguir esses resultados, a reeducação alimentar é uma maneira de conseguir obter sucesso pleno e absoluto com o regime a ser utilizado.

  Nesse post iremos lhe mostrar os benefícios de se fazer a dieta tendo como base uma reeducação alimentar, que é a melhor maneira de conseguir de fato alcançar o emagrecimento saudável.

1. Emagrecimento Saudável

como-emagrecer-sem-exercicios  Perceba que a maioria das dietas (principalmente as mais malucas) exigem da pessoa o corte abrupto de carboidratos, vitaminas, minerais ou alguns outros elementos essenciais ao corpo humano. Isso é muito perigoso porque enfraquece o organismo e o deixa vulnerável, tornando a pessoa menos saudável.

  Com o processo de reeducação alimentar isso não ocorre porque a pessoa é orientada a se alimentar normalmente, consumindo tudo o que é necessário para sua manutenção, mas sem exageros. Dessa forma, não há riscos à saúde e à integridade da pessoa.

2. Emagrecimento sem Efeito Sanfona

  Como o emagrecimento se dá de forma saudável e através da reeducação alimentar, não existem grandes possibilidades de acontecer o efeito sanfona porque o processo de emagrecer e engordar provavelmente não irá acontecer, a não ser que a pessoa se torne novamente indisciplinada para se alimentar.

3. Resultados Consistentes

  Os resultados da reeducação alimentar tendem a ser consistentes e duradouros porque a pessoa é obrigada a readaptar seu modo de se alimentar, o que faz com que ela não esteja nas estatísticas daqueles que alcançam bons resultados, mas logo recuperam todo o peso perdido. Esse é um caso muito comum para as pessoas que fazem dietas do tipo “Dieta do Carboidrato”, “Dieta da Melancia”, “Dieta do Suco de Limão” e diversas outras que prometem emagrecimento rápido ao custo da abstenção de praticamente todos os alimentos durante o decorrer de uma ou duas semanas no máximo. Para quem faz a reeducação alimentar o processo é mais lento, mas consistente. Depois de aprender a se controlar, a pessoa não sente mais o desejo absurdo de comer desordenadamente.

4. Possibilidade de Aprender a se Alimentar Corretamente

  A melhor coisa que acontece à pessoa que busca emagrecer através da reeducação alimentar é a possibilidade de aprender a se alimentar corretamente. Isso faz com que a pessoa não sinta falta de comer a toda hora, como se disso dependesse sua vida. Ela aprende a comer nas horas certas e em pequenas quantidades, de maneira que consuma apenas as calorias necessárias para o corpo humano.

5. Dicas para iniciar um processo de reeducação alimentar

  Procure se alimentar seis vezes ao dia, sendo: o café da manhã, o lanche da manhã, o almoço, o lanche da tarde, o jantar e o lanche da noite. Procure também consumir comidas e bebidas pouco calóricas, tendo o cuidado de controlar o consumo de gorduras e calorias. Caso seja necessário, busque orientação médica e siga a risca os seus horários, sendo responsável no cumprimento deles todos os dias.

 

101 receitas de sucos detox